quinta-feira, 15 de julho de 2010

Aprenda


O que será que se passa lá fora
Que traz mais angústia do que devia
Que nasce e não vai embora
E não sai nem com magia?

O que será que se passa aqui dentro
Que ao dormir você chora
Que vem com sopro de um vento
E sai lágrimas por quem você adora?

O que será que se passa na vida
Que a angústia te faz aprender
Que a adorada se torna uma amiga
E no final nada te faz sofrer?

segunda-feira, 12 de julho de 2010

Indecifrável


Um ser estranho sem propósito

Viver é um enigma ilimitado

Tudo pode parecer lógico

Mas isso agora é passado.


O ilógico faz parte do filosófico

A tristeza nao só vem da realidade

É um mundo sem relógio

Um mundo sem real castidade.


A vida já é um purgatório

O nascimento é marcado

Não tem escapatória

O castigo foi declarado.



sexta-feira, 9 de julho de 2010

Dezoito.


Será que 18 anos faz diferença? Acho que não, só faz diferença quando criar independência. Porque é tão difícil a pessoa que te criou entender o que é bom para você é te deixar livre, claro com alguns limites, mas deixar ficar ao lado de quem te faz bem. Agora cobranças começaram a aumentar, os desentedimentos criaram mais confusões, o autoritarismo sobre mim pode ser discreto mas consigo sentir uma grande rigidez, uma invasão de privacidade.
Estou me sentindo uma inútil completa para a minha família, tento me tornar útil mas ninguém me incentiva e acabo me deixando levar pela fraqueza. Quero conseguir ser forte, quero ser um orgulho para alguém, ou pelo menos que demonstre um pouco. Cansativo essa mesma história do poder egoísta que a minha família tem sobre mim, às vezes penso que sou uma ovelha negra, só porque compram , ajudam no meu bem estar podem querer mandar em mim? Não sou um objeto que você compra e pode usufruir como bem entender. Não sei se é bem isso o que estou pensando, mas como me sinto transforma em real.
Acho que 18 anos é a fase de transição de perceber que você agora tem que lutar pela sua vida sozinho, pois me sinto sozinha (sozinha digo de crescer) agora, sou apenas eu, nem Deus pode ter um poder tão forte sobre mim.